O MARIA LENK ESTÁ ACABANDO, MAS AS CONQUISTAS NÃO!

Mais uma etapa de festa no Ibirapuera! Vitórias, recordes, conquistas inéditas. O Corinthians se destacou mais uma vez no Maria Lenk 2014, e você confere o resumo da etapa aqui no blog.

200 MEDLEY FEMININO

Katinka Hosszu nadou sua terceira prova na competição, e mais uma vez ficou com o recorde do campeonato. Nadando duas vezes na casa de 2:10, conquistou o ouro com tempo top 5 no ranking mundial (2:10.60).

Ainda na final A, Natalia Luccas ficou com a 7ª colocação (2:22.70, novo recorde interno do Junior 2) e Júlia Gerotto foi a 8ª (2:23.37).

Na final B, nadaram Gabriela Mello (10ª com 2:24.54) e Giovanna Dorigon (11ª com 2:24.72).

200 MEDLEY MASCULINO

Na final masculina da prova, Thiago Simon confirmou a excelente fase com sua melhor marca pessoal, beirando a barreira dos 2 minutos. Com 2:00.37, conquistou a medalha de prata e continua se firmando como uma das forças do medley no Brasil.

Evandro Vinicius foi o 5º colocado (2:03.45) e fechou uma excelente competição com ótimas marcas. Em 7º, veio Rodrigo Berti (2:06.43).

50 BORBOLETA FEMININO

Jeanette Ottesen nadou de forma quase perfeita tanto na eliminatória quanto na final, e anotou o melhor índice técnico da competição até agora. Com 25.41, fez o melhor tempo do ano no mundo e conquistou seu terceiro ouro nesse Maria Lenk.

A medalha de bronze nacional ficou com Bruna Rocha, que marcou 27.22 pela manhã e 27.49 na grande final.

50 BORBOLETA MASCULINO

O único representante corintiano na final foi Gustavo Godoy, que se classificou para a final B com 24.58 e ficou com a 16ª colocação na final (25.05).

400 LIVRE FEMININO

Bianca Avella representou o Corinthians na final A da prova e ficou com a 6ª colocação na prova (4:21.92). Na final B, Jessica Moretti ditou um ritmo forte e ficou com a 9ª colocação, sendo o 5º melhor tempo no geral (4:20.83). Gabriela Rocha foi a 11ª colocada com 4:22.37 e fechou uma competição com belas marcas e a primeira medalha conquistada.

400 LIVRE MASCULINO

Para fechar as provas individuais, a prova mais especial da etapa. Leonardo de Deus já vinha perseguindo algo especial nessa prova desde o ano passado, e hoje saiu o recorde brasileiro da prova, que já durava 7 anos. Passando forte na casa de 1:52, Leo segurou uma alta intensidade e fechou com 3:50.90.

Brandonn Pierry também esteve na final e se aproximou muito de sua melhor marca pessoal (5º com 3:57.20, novo recorde interno do Junior 1).

Na final B, João Veras encaixou seu tradicional tiro de final de prova para vencer a série (9º com 3:57.93). Matheus Isidro (10º com 4:01.36) e Bruno Gurian (16º com 4:06.24) também estiveram em ação na final B.

REVEZAMENTO 4×100 LIVRE

Na prova feminina, terceira vitória para o revezamento 100% até agora, com Katinka Hosszu, Natalia de Luccas, Isabela Vicente e Jeanette Ottesen, campeãs e recordistas da prova.

No masculino, quarta colocação com Ricardo Oliveira, Fernando Ernesto, Guilherme Ocampo e Arthur Mendes, que fez um ótimo parcial fechando o revezamento.

VALEU CORINTHIANS!!!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s