BRASILEIRO JUVENIL, DIA 3: TEMPOS FORTES, MEDALHAS, RECORDES INTERNOS… TEVE DE TUDO!

Segundo dia de finais do Troféu Carlos Campos Sobrinho

João Gabriel Ribeiro (Foto: Eduardo Fonseca/Futura Press)

Que dia em Santos!

A etapa de sexta-feira do Brasileiro Juvenil trouxe grandes marcas, mais medalhas conquistadas, melhoras pessoais e os primeiros recordes internos da equipe na competição. A equipe dos técnicos Paulo Augusto e Thieli nadou muito bem hoje, e merece todo nosso destaque aqui no blog.

Na primeira prova do dia, Gabriel Nogueira levou mais um título brasileiro, dessa vez no 100 livre (53.14). A final do juvenil 1 também teve uma grande performance de Rodolfo Fraga, o 6º colocado com seu primeiro sub-54 (53.98).

Quem também nadou para sua melhor marca pessoal foi Gabriel Marques, 6º colocado na final do juvenil 2 (53.38).

No 200 peito, uma chuva de medalhas corintianas. Veio uma em cada categoria. No juvenil 1 feminino, Heloiza Alves conquistou a prata (2:43.23).

No juvenil 2, Paula Chenquer voltou a subir no pódio nessa prova, ao conquistar a medalha de bronze (2:44.84).

Na final masculina do juvenil 1, uma conquista marcante de Lucas Siqueira, medalhista de prata com um ótimo tempo (2:22.84) e responsável pela primeira quebra de recorde interno da semana, substituindo a marca de João Gabriel Ribeiro, feita no ano passado.

João Ribeiro que, por sinal, perdeu o recorde do juvenil 1, mas nadou tão bem na final da categoria acima que conquistou a prata e também quebrou o recorde interno (2:21.22), que já durava 5 anos e estava nas mãos de Lucas Negrette, na histórica conquista do Brasileiro de 2009, em Curitiba.

Passamos para as finais do 200 medley, e na primeira delas, duas corintianas no pódio do juvenil 1: Beatriz Lima e Silva de prata (2:27.53) e Leticia Rodrigues de bronze (2:28.01). Marcelly Rodero também entrou na final, terminando na 8ª colocação após fazer sua melhor marca pessoal pela manhã (2:34.77).

No juvenil 1 masculino, tivemos Rafael Lima na grande final. Ele terminou na 6ª posição, com seu melhor tempo na prova (2:15.65).

Se no 200 peito João Gabriel Ribeiro levou a prata, no 200 medley ele voltou a fazer sua melhor marca pessoal, e dessa vez foi premiado com a medalha de ouro (2:08.14). Quem também subiu no pódio foi André Santos, medalhista de bronze (2:11.11).

Para fechar essa grande etapa, medalha de bronze para a equipe corintiana do 4×50 medley misto, formada por Beatriz Lima e Silva, Luan Vieiro, Iago Moussalem e Heloiza Alves.

VALEU CORINTHIANS!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s